floresta
09/05/2022 16:30 • Notícias
GT de Sustentabilidade projeta lançamento do Floresta+ em junho de 2022

O Grupo de Trabalho (GT) de Sustentabilidade da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) se reuniu, nesta quarta-feira (04), com as estaduais para discutir e alinhar o lançamento do Programa Floresta + Algodão, em parceria com o Ministério do Meio Ambiente (MMA). Na ocasião, foram definidas agendas e os próximos passos a serem executados até o evento, previsto para o dia 20 de junho deste ano.

"Estamos em fase final de colaboração com o MMA para ajustes na plataforma e precisamos alinhar todas as informações, pois o projeto, mesmo em fase-piloto, em 2022, valorizará nossa certificação, melhorando nossos processos", destacou o diretor Executivo da Abrapa, Marcio Portocarrero. O Floresta + Algodão é um passo dado pelo setor para a execução de uma economia verde no País. O acordo com o MMA prevê incentivos por serviços ambientais das atividades de monitoramento, conservação e recuperação da vegetação nativa, realizados pelos produtores de algodão nas áreas de Reserva Legal e de Preservação permanente.

Também foram abordados outros temas na reunião, como o início do trabalho de elaboração do protocolo para o ABR-Log. A intenção é, a partir do mês de agosto, ter a listagem de verificação preliminar com recomendações para os terminais de embarque para exportação, especialmente, os de estufamento de containers. No atual cenário logístico, o algodão sai do beneficiamento e chega aos destinos internacionais em más condições de conservação e é intuito do setor que o algodão brasileiro chegue ao mercado externo com a mesma qualidade e cuidado mantidos em todo o ciclo de produção e beneficiamento, que acontece dentro das fazendas.

Outros três assuntos também mereceram destaques na reunião: a aprovação dos novos itens em VCB para o ABR-UBA, safra 2021/2022, para incentivo à limpeza e padronização dos fardos produzidos; o retorno das auditorias 100% presenciais e a avaliação do andamento do processo de certificação ABR, neste exercício.

Fonte: Abrapa