algodao_fardao_de_algodao_rolo
29/09/2020 13:15 • Notícias
Ampasul está na campanha do Dia Mundial do Algodão envolvendo a sociedade

Foi lançada a campanha das comemorações do Dia Mundial do Algodão, pelo Movimento Sou de Algodão, envolvendo todos os atores da cadeia produtiva do fio natural. A Ampasul, Associação Sul-Mato-Grossense dos Produtores de Algodão está engajada na campanha desenvolvendo ações coordenadas pelos organizadores.

Envolve-se na campanha homens e mulheres produtores e seus familiares, com a utilização das redes sociais, para mostrar ao mundo o dia-a-dia desses personagens que estão diretamente presentes na produção e transformação do algodão.

Serão depoimentos, vídeos e fotos do cotidiano, dos campos, da produção, da transformação do nobre produto para a indústria fabril produzir roupas e outros bens com a nobre matéria prima.

Para o Movimento Sou de Algodão, o momento é de olharmos para o que realmente importa: as pessoas. E, na esperança de que tudo será melhor em breve.

A campanha quer ressaltar a importância da força do trabalho e do amor da nossa gente. Ela foi lançada no dia 20 de setembro e quer mostrar a trajetória de quem faz parte da cadeia do algodão e inspirar a se mover por grandes transformações.

O Sou de Algodão já conseguiu o engajamento de mais de 330 marcas nacionais e criou oportunidade para profissionais de moda, professores, estudantes e jornalistas conhecerem in loco o processo produtivo da fibra. Ao mesmo tempo, participou das mais importantes semanas de moda do país, e colocou produtores e profissionais da cadeia têxtil na passarela, para mostrar as histórias que existem por trás da matéria-prima, feita por muitas mãos.

“Tudo o que temos é a união e, juntos, somos mais fortes, haja o que houver” (Movimento Sou de Algodão).

Origem do algodão

Lembra a Abrapa, Associação Brasileira dos Produtores de Algodão, que há pelo menos seis mil anos, o algodão é cultivado em diferentes partes do planeta, numa certa faixa geográfica que atende às poucas exigências dessa planta, afeita pelos climas mais áridos. Para os povos das Américas, é como se ele tivesse sempre existido. Mas, na Europa, o algodão só se tornou popular com Revolução Industrial, no século XVIII. De lá para cá, ganhou o mundo, tornando-se a mais importante fibra têxtil dentre as naturais, artificiais e sintéticas.

Mas se é quase onipresente no nosso dia a dia, o algodão é “invisível” para grande parte da população global. Por isso, no ano passado, criou-se o Dia Mundial do Algodão (#WorldCottonDay), uma iniciativa do International Cotton Advisory Committee (ICAC), com outras entidades internacionais como FAO, Organização Mundial do Comércio (OMC), United Nations Conference of Trade and Development (UNCTAD) e o International Trade Center (ITC).

#worldcottonday #soudealgodao #SoudeAlgodão #WorldCottonDay

Fonte: Ampasul (Norbertino Angeli e c/Abrapa)